Ideias para pensar a liderança para o amanhã

Por: Cabanellos Advocacia em 18 de 01 de 2018

A velocidade das transformações do mundo contemporâneo tem promovido constantes debates sobre como lidar com tantas mudanças e o que é possível fazer para que a tomada de decisão seja assertiva. Para tratar sobre este enfoque e o papel das lideranças nesse contexto, a sede do IEGE reuniu um time de profissionais de diversos campos do conhecimento no evento Lead For Tomorrow, realizado dia 16/1.

Com o tema “Os Desafios da Liderança, Gestão e Cultura Organizacional na Nova Economia”, o encontro trouxe highlights relacionados à liderança pelo exemplo, gerações y e z no mercado de trabalho, crescimento exponencial da tecnologia impactando em práticas profissionais, novos mindsets, entre outros tópicos. A interação do público também foi bem destacada, atento às ideias e reflexões de Luiz Henrique Cabanellos Schuh, sócio do Cabanellos Advocacia, Roberto Ebina, da Muttare Consultoria de Gestão, Henrique Imbertti, do Magazine Luiza, Luiz C. Parzianello, da Surya Gestão Digital, e Rafael Prikladnicki, do Tecnopuc. Participaram, também, Gabriel Lopes Moreira, do Cabanellos, Roberta Ebina e Fernanda Damiani, da Muttare, e Mateus Piveta, da Surya, como facilitadores.

Alguns highlights do evento

  • “Liderança pelo exemplo, e não apenas pelo discurso, é coerência. E coerência é consistência. É muito difícil ser consistente, pois pressupõe muitas renúncias, e nem sempre é fácil renunciar.”
  • “A novas gerações têm visões e demandas de mundo diferentes do que estamos acostumados. O mindset é outro. Em 2030, por exemplo, a geração Z estará no mercado de trabalho, sendo que 55% vai começar um negócio, empreender, e um grande percentual deseja criar algo com impacto no mundo.”
  • “Em vez de um modelo de gestão, adotar um não-modelo, pois pressupõe algo mais flexível que pode ser constantemente adaptável.”
  • “Vivemos uma época de mudanças muito rápidas e disruptivas. Podemos construir coisas que achávamos impossível de serem realizadas.”